Por não calar

Desesperou-se Madalena:
Para quê tanta chuva e trovoada, meu Deus?
E Deus quebrou seu silêncio:
Porque as saúvas estão levando toda a horta,
porque as pimenteiras cobriram com sua ardência tudo a volta,
porque as lagartas querem impedir o amor entre as margaridas
e o casamento entre os girassóis,
porque grilos fizeram acordos com galfanhotos
e cercaram de placas estranhas toda a plantação.
É preciso lavar esse quintal.
E por que só agora me responde, meu Deus?
Porque também cansei de monólogos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s