No Natural

Desmancha a franja do céu sobre a grama,
a folha do outono no inverno,
o pincel do tempo nos tecidos.
A musculatura flácida na terra
acha veia de água incansável,
descongela o coração adormecido por primavera.
Ao natural tudo é mais poeticável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: