Insights de Cabeceira 1

Mesmo que vigore a moda de esvaziar significados e sentidos, mesmo que o raso desértico seja adorado, e o mundo pareça uma caça ao tesouro esquecido com a solidão como navalha fria, há de se fazer, mesmo que pequena, a revolução dos achados e encontrados que não desistem de remar à profundidade, mesmo que pouco... Continuar Lendo →

Colírio

Quem não pode ver o feioe romantiza onde não cabe o belo,na acidez que a vista não revelaem eco se faz cego ego ego. Quem não pode ver a pedratropeça, não pole o que a vida pede,se repete se repete se repete. Deixa morrer o que não te quer inteiro,olha a pedra, olha o feio,olha... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑